Não Duvide do Seu Deus

E logo Jesus, estendendo a mão, segurou-o e disse-lhe: Homem de pequena fé, por que duvidaste?

Mateus 14.31


Duvidar do Senhor Deus é mais sério do que pensamos. Ele é a Verdade e não há engano nEle. Quando fala, expressa-Se na Sua totalidade e, por isso, deve ser aceito como o Infalível. Ao mostrar-nos a Sua vontade, ao atender os nossos pedidos, Ele está Se revelando. Deixar de cumprir o que Ele nos deu como mandamento é como declararmos que não O levamos a sério, ou não confiamos nEle.

Quem é o homem para que o Senhor dele Se lembre (Hb 2.6)? Na verdade, somos falhos o tempo todo. Porém, Ele nos criou à Sua imagem e semelhança com um propósito cujo conhecimento completo ainda não temos. Mesmo com a queda de Adão, o Senhor não Se deu por vencido e elaborou o plano da redenção. O bom é que Ele não planejou que fôssemos capazes de nos erguermos por nós mesmos, mas fôssemos salvos por Sua graça.

O que aconteceu no mar da Galileia foi maior do que imaginamos. Jesus havia ordenado aos discípulos que passassem para o outro lado do lago. Então, depois de despedir a multidão e orar, viu os discípulos passando dificuldades para chegar ao destino apontado; por isso, Ele veio andando sobre as águas. Quando o viram, gritaram de medo, mas o Mestre os sossegou, dizendo que não temessem, pois era Ele.

De ímpeto, Pedro pediu desafiadoramente que, se Ele fosse o Mestre, mandasse-o ir ter com Ele sobre as águas. Ao receber resposta favorável, o apóstolo saltou do barco e também andou sobre as águas. Contudo, reparando no vento e observando o que estava fazendo, teve medo e começou a afundar. Gritou por socorro e foi atendido, mas não sem antes levar uma bronca por ter duvidado.

Podemos tirar inúmeras e valiosas lições dessa narração. Pedro não estava crendo completamente na Palavra de Jesus, pois usou a palavra se. Isso mostra que Deus nos atende, ainda que não estejamos crendo de todo o coração. É possível fazer o impossível – andar sobre as águas, passar por cima dos problemas – e, depois, perder tudo, até a vida. Deus é misericordioso, mas fica irado com nossas fraquezas.

Veja se você tem dado a atenção devida ao que o Senhor lhe fala. Caso peça com dúvida, pode ser atendido; porém, em seguida, talvez não tenha a fé necessária para continuar caminhando sobre as águas – seus problemas – ou para terminar a construção da torre. Com isso, você entristecerá o coração do Pai. Esforce-se para ser um servo segundo o coração do Todo-Poderoso. O cetro lhe foi estendido.

Sem dúvida, somos homens de pequena fé. Por que não pedir que sejamos alimentados com a Palavra, a qual fará a nossa fé desenvolver-se? Só temos este tempo para conseguir isso. Para ter uma fé grande, aproveite ao máximo o seu tempo a fim de buscar ajuda no Senhor, por meio da oração, da leitura da Palavra e da meditação bíblica.


#devocionaldiario #eriksantana


11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo